Pouco além do discurso

A ministra do Meio Ambiente e Recursos Hídricos Renováveis, Marina Silva, não está contente com a falta de sustentabilidade política das ações de preservação e conservação do ambiente.

Segundo notícia da Folha de Londrina, a ministra esteve em Curitiba e participouda reunião semanal do secretariado para assinar convênios com o governo do Estado. Lá, ela reclamou que há bons projetos de lei sobre o tema, mas são esquecidos do lado de fora da pauta.

“Há 15 anos vi um projeto de importância ambiental nascer no Congresso Nacional para preservação da Mata Atlântica. As minhas filhas cresceram, começaram a namorar e o projeto sequer havia sido aprovado pelos deputados federais”, lamentou.

Marina quer que a classe se envolva cada vez mais em políticas que protejam a natureza e envolva a sociedade, os ministérios e a Presidência da República. “Temos que ter programas fortes. Não podemos nos curvar às forças que buscam o desmatamento e o desrespeito ao ambiente”.

Anúncios
Esse post foi publicado em (Eco)tapete vermelho. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s