Brasil é a bola da vez


Silvia Thompson é analista da SustainAbility, uma das mais importantes consultorias de sustentabilidade do mundo. Nessa entrevista, ela explica as mudanças pelas quais o Global Reporters deste ano vai passar.

Report: O Brasil é apontado por vocês como um dos mercados mais promissores de relatórios de sustentabilidade do mundo. Por que?

Silvia Thompson: Em países desenvolvidos, a prática de publicar relatórios de sutentabilidade já se tornou bastante usual. Em economias emergentes, tais como Brasil, Índia e China, essa prática é ainda recente, embora já tenha começado a ganhar força. O Brasil, por exemplo, tem produzido cada vez mais e melhores relatórios de sutentabilidade. Na última edição do Global Reporters, publicada em 2006, tivemos duas empresas brasileiras, o Banco Real e a Natura, muito bem colocados no ranking dos 50 melhores relatórios mundiais. O número de relatórios brasileiros que seguem as diretrizes da Global Reporting Initiative (GRI) também aumentou muito nos últimos anos. Nós acreditamos que uma análise rigorosa da qualidade dos relatórios brasileiros, como a que iremos fazer agora como parte do Programa Global Reporters 2008, irá ressaltar não apenas oportunidades de melhorar os relatórios brasileiros ainda mais, mas também identificar exemplos de boas práticas que poderão ser adotados em todo mundo.

Report: Será sempre o Brasil o país pesquisado ou isso mudará anualmente? Como vai funcionar?

ST: Ainda não temos definidos quais serão os temas ou países pesquisados na próxima edição do Global Reporters, que será em 2010, mas poderemos repetir a pesquisa no Brasil dependendo da recepção que esta edição de 2008 tiver.

Report: Por que a SustainAbility decidiu, neste ano, dividir o Global Reporters em três grupos de trabalho paralelos?

ST: Em 2008, a SustainAbility decidiu mudar o escopo do programa para poder aprofundar a discussão sobre os desafios que as organizações enfrentam ao tentar fazer com que seus relatórios atendam às necessidades e expectativas dos diversos públicos, e evoluam ainda mais a agenda de transparência e prestação de contas. Pretendemos realizar uma série de pesquisas focadas em questões específicas, setores e regiões, que apresentem maior aplicação prática. A idéia de fazer um ranking com relatórios apenas do Brasil, por exemplo, surgiu porque achamos que as empresas brasileiras, à medida que se internacionalizam, têm muito interesse em relatar sua performance ambiental e social nos mesmos moldes e com o mesmo grau de transparência que as empresas sediadas em países desenvolvidos. Ao mesmo tempo, as multinacionais, por estarem interessadas em expandir suas atividades e mercados, também têm muito a aprender com os exemplos e realidades vindos das economias emergentes.

Report: O que a SustainAbility considera um bom relatório de sustentabilidade? Quais características devem estar presentes?

ST: Um bom relatório de sustentabilidade essencialmente tem que ser capaz de comunicar o que a empresa tem feito para integrar os princípios do desenvolvimento sustentável em todas as suas atividades, operações e negócios. As principais características que devem estar presentes são: (1) foco nas questões mais materiais, (2) apresentação e discussão franca sobre a performance relacionada aos principais impactos ambientais e sociais, (3) envolvimento dos stakeholders tanto na identificação das questões materiais quanto na avaliação da performance da empresa, e (4) acima de tudo usar linguagem e meios de comunicação que facilitem a compreensão pelos diversos tipos de stakeholders.

Anúncios
Esse post foi publicado em Conceitos básicos e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s